7 de Março de 2019

O papel da responsabilidade social corporativa na transformação da cultura organizacional 

Quem são as organizações e como se caracterizam?

Cada organização possui características únicas, que a tornam inconfundível. É definida, em primeiro lugar, pelos seus valores, missão e visão, que pautam o seu comportamento para o exterior, constituindo o principal pilar da construção de uma cultura organizacional.

Esta construção vai para além da missão, visão e valores criados. As organizações são também compostas por outras manifestações como, por exemplo, símbolos, palavras, pessoas, gestos ou imagens e atividades coletivas. São rituais e características que completam a organização e imprimem um ritmo e identidade, construindo modelos comportamentais, muitas vezes promovido por pessoas de referência na organização, sendo estas exemplo de características com valor social para os que dela fazem parte.

Para além disso, a maior particularidade de cada organização são os colaboradores, pessoas com competências e vivências diferentes. As organizações são desafiadas, constantemente, a satisfazer as necessidades individuais de cada um, mediante a fase do ciclo de vida em que se encontram. O sucesso da construção sólida e constante passa também pela identificação dos colaboradores com a forma de atuação da organização.

Consulte o artigo completo na Edição #7 da revista Game Changer

 

Inês Alves

Técnica de Responsabilidade Social Corporativa